"O que importa a surdez dos ouvidos quando a mente escuta? A única surdez verdadeira, a surdez incurável, é a surdez da mente". - Victor Hugo

quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Contador de Acesso

O nosso contador de acesso registrou durante todo mês de Dezembro, a visita de 443 internautas. Sendo que de Setembro a Dezembro, recebemos a visita de 1.607 internautas.
Aproveitamos o ensejo para desejar aos queridos leitores e colaboradores um 2010 cheio de realizações, sucesso, saúde e fraternidade.

domingo, 27 de dezembro de 2009

Livro: Absolvo e Condeno. Gizelda Morais


A escritora sergipana Gizelda Morais mostra, em sua obra Absolvo e Condeno, os conflitos de um Juiz de Vara de Família com relação não apenas ao seu trabalho de julgar mas também com o seu relacionamento com uma mulher mais jovem que ele e que é a representação da pureza, a materialização de sentimento que o Juiz até mesmo já havia esquecido. Em seu afã de descobrir suas próprias e verdadeiras intenções, ele acaba indo para o Japão, onde vive momentos não só de angustia mas principalmente de introspecção. Nesse ínterim, o seu relacionamento familiar, que havia muito vinha com gosto amargo, torna-se muito mais agradável e o Juiz descobre na própria filha, uma grande amiga.

Com esses ingredientes, mesclados a muita competência na arte de escrever e a um formidável cabedal cultural, Gizelda criou um romance que, sem menor sombra de duvida, há de agradar ao mais exigente leitor.

Pode um homem já avançado em anos voltar a sentir uma grande paixão? Pode um Juiz de Direito a chegar duvidar de sua própria capacidade de julgamento?Baseando-se nos conflitos íntimos de seu protagonista, um emérito e respeitável Juiz, Gizelda criou um romance que prense o leitor da primeira à ultima pagina, quase que obrigando a lê-lo num fôlego só.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Máquinas de vender livros


Olha só que interessante: em São Paulo algumas estações de metrô contam com uma máquina de vender livros, como as que existem de vender café ou refrigerante. A empresa 24x7 Cultural, que opera o serviço, mantém 16 maquininhas espalhadas em sete estações de metrô. Há também uma na estação Carioca, no Rio de Janeiro.

Segundo a Folhaonline, as maquininhas começaram a funcionar em 2003 e acabam de alcançar a soma de 1 milhão de livros vendidos. São vendidos desde clássicos nacionais a autoajuda, além de obras técnicas (manuais de Excel e matemática), compêndios sobre pensadores, livros infantis e policiais.

"E, como de quase tudo se vende, compra-se de quase tudo, inclusive muito Nietzsche. O filósofo alemão é o autor com mais títulos à venda, 19, que seduziram 36 mil compradores desde 2004. 'Assim Falava Zaratustra' e 'Humano, Demasiado Humano' são os best-sellers nietzschianos, 9.000 exemplares de cada um no período", diz a Folha.

O que explica a alta vendagem? As edições são simples, de papel barato e pequenos formatos. Custam de R$ 2 a R$ 10 --a maioria entre R$ 3 e R$ 5. Cada equipamento comporta 280 volumes. Segundo a operadora, são vendidos cerca de 500 por dia --15 mil/mês, 180 mil/ano.

(Quando é que essas maquininhas vão chegar em Aracaju para popularizar a leitura?)

Fonte: http://artscritta.blogspot.com/2009/12/maquinas-de-vender-livros.html

DEDICATÓRIA

Poetisa mineira, Silvia Araújo Motta, dedica poema a Emerson Maciel:


EMERSON MACIEL
Homenagem acróstica-biográfica nº 2645

Por Sílvia Araújo Motta


E-Emerson Maciel faz aniversário,

M-Mês de dezembro, no dia seis...

E-Escritor nascido em Laranjeiras/SE;

R-Recantista, Articulista, Poeta,

S-Sua vida honrosa merece parabéns,

O-O conhecimento tem valor extraordinário

N-Na Teologia da Libertação,em Sergipe...

-

M-Mudanças Climáticas, estão sem solução?

A-A “Educação Ambiental” é fundamental!

C-“Callossum” deveria ter dedicação ao mundo...

I-“Inspiração” é uma declaração de Amor real!

E-Em “Saudade” tem dor que sangra dentro!

L-Lutar pela busca constante é saber viver!

-

S-Suas premiações poéticas marcam

A-A participação como Vencedor: 1º lugar

N-No Concurso da FAESCL,em 2006;

T-Tem poemas que seus gritos clamam

O-O mundo mais amoroso,em verdade,

S-Sem injustiças sociais,pela igualdade.

-

P-Poeta Del Mundo, Cônsul em Laranjeiras,

O-O Fundador do Clube Literário/Laranjeiras,

E-Embaixador Universal da Paz/Genebre/Suisse;

T-Também pertence à IWA/sede em Ohio/USA;

A-Atual Colunista Cultural do Jornal O Liberal.

- PARABÉNS PELA SUA VIDA! -


Silvia Araújo Motta. Belo Horizonte, 6 de dezembro de 2009.


Agradecemos a Silva, pelo belissimo poema, na esperança de podermos retribuir em dobro com nossa amizade e carinho.

Leia mais poemas de silvia: http://recantodasletras.uol.com.br/autor.php?id=3146

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Educação 1969 x 2009


Essa pergunta foi a vencedora em um congresso sobre vida sustentável.
"Todo mundo 'pensando' em deixar um planeta melhor para nossos filhos... Quando é que 'pensarão' em deixar filhos melhores para o nosso planeta?"

Uma criança que aprende o respeito e a honra dentro de casa e recebe o exemplo vindo de seus pais, torna-se um adulto comprometido em todos os aspectos, inclusive em respeitar o planeta onde vive...

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Amores: Caminhos e Descaminhos.


Livro: Amores: Caminhos e Descaminhos

Autora: Ana Janete Pedri

Tema: Poesias

Valor: 20.00

Adquira através do e-mail: Ana.janete@pedri.com.br ou pelo site http://www.livrariascuritiba.com.br.

Segundo Alcides Buss, a poeta Ana Janete escreve poemas cujas canções correspondem ao desabrochar das flores em Jaraguá do Sul, que, ao lado das chaminés e parques industriais, necessita de jardins coloridos que enalteçam a vida.


Nesse Livro, você encontrar a essência do bom poetar. A força do amor, da ternura e das palavras espontâneas, que em partes, tem feito as pessoas viverem caminhos e descaminhos.


Agradecemos o presente, da amiga catarinense, na esperaça de poder contribuir de alguma forma pela consideração e presteza.

sábado, 12 de dezembro de 2009

Livros x Computadores


Bill Gates, o multimilionário gênio da informática, sem qualquer constrangimento, afirmou: Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros , sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever- inclusive a sua própria história.